NOTÍCIAS

CAMPANHA SALARIAL 2018

  • 8 de outubro de 2018

SINDICATO PRESENTE NAS OBRAS PARA MOSTRAR AS VANTAGENS DE SER SINDICALIZADO

A Diretoria do STICOMBE está percorrendo os locais de trabalho nas diversas categorias representadas pela entidade para demonstrar as vantagens do trabalhador sindicalizado, através da distribuição do Jornal MARTELO, que traz informações precisas sobre as conquistas obtidas nos últimos anos pela categoria. Destacam-se, no caso da construção civil, entre essas conquistas, o aumento real de salário nos últimos cinco anos, a garantia do pagamento do triênio, a concessão do vale-transporte sem o desconto de 6%, o seguro de vida em grupo, a alimentação obrigatória, a assistência jurídica gratuita, o atendimento odontológico gratuito e o convênio com no mínimo 10% de desconto nas escolas de ensino superior. A direção da entidade também está distribuindo o jornal com as conquistas obtidas no segmento da construção pesada. Aliás, nesses dois setores, bem como na indústria do mobiliário, as Convenções Coletivas desse ano já foram concluídas. Segundo o presidente Raimundo Salvador (na foto, em uma dessas reuniões com os trabalhadores), “essas visitas nos canteiros de obra e locais de trabalho está sendo muito importante para conscientizar o trabalhador da importância do Sindicato e para aproximar nossa entidade ainda mais daqueles que representamos”. O dirigente sindical afirmou, ainda, que “esse trabalho, com o apoio das empresas, conforme acertamos na Convenção Coletiva, é fundamental para fortalecer o único instrumento capaz de assegurar a manutenção e o avanço das conquistas dos trabalhadores”. O jornal que está sendo distribuído traz um quadro comparativo das vantagens que o trabalhador tem sendo sindicalizado e as tabelas salariais negociadas recentemente.

Trabalhador, contribua com o seu Sindicato, pois, quanto mais forte a sua entidade, maiores serão suas conquistas, principalmente diante da última mudança na legislação trabalhista que foi feita para retirar direitos trabalhistas e enfraquecer a organização dos trabalhadores!